Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O meu sótão é cor de rosa

Às vezes, de noite, subo ao telhado do sótão, sento-me a ver as luzes da cidade e o frenesim do fim dos dias e penso que gostava de ficar ali para sempre. L.T.

O meu sótão é cor de rosa

Às vezes, de noite, subo ao telhado do sótão, sento-me a ver as luzes da cidade e o frenesim do fim dos dias e penso que gostava de ficar ali para sempre. L.T.

No Estendal da Maria

De volta ao trabalho há três dias. Palavras para quê? Haja saúde.

 

 

Fui buscar esta imagem ao Estendal da Maria, blog criado em 2009 por Maria das Quimeras - agora Diana V. - que convidou, para estenderem roupa na corda, a Marta - apelidada de Sonhandoaosquarenta e agora irreverênciasnofeminino -, a Ametista - eu mesma e agora Leonor - e o nosso querido Cúmplice do tempo, sempre fiel ao seu pseudónimo.

Para esta parceria existir, houve regras a cumprir que foram as seguintes:

 

. Obrigatório infringirmos todas as regras

. Divertirmo-nos sempre

. 'Lavarmos a roupa suja' quando preciso

. Partirmos a loiça se necessário

 

Não resisti a deixar aqui o link de um dos textos publicados nesse ano e escrito por mim, ex-Ametista. Porque há uma necessidade urgente de nos rirmos atrevi-me a fazer este post, mesmo não tendo a certeza se irá rasgar sorrisos e porque penso que não podemos viver apenas com a terrível sensação de estarmos a afundar-nos no país lamacento em que subsistimos.

Ora aí está o texto:

 

http://noestendaldamaria.blogs.sapo.pt/6832.html

 

Já me ri até às lágrimas com todos os posts da malta lá do estendal, com a alegria que cada um deles comportava ou ainda comporta para além dos comentários, dignos de serem lidos.

Tudo isto para dizer que devemos rir, rir muito, brincar e esquecer, por todo e qualquer momento, a crise deplorável que invadiu as nossas vidas. Temos de fazer com que as alegrias possam ser possíveis.

Pessoal do estendal, bora pôr molas na roupa?

 

Beijinhos a todos com uma enorme saudade da camaradagem existente na altura e das nossas gargalhadas infindáveis.

por Leonor Teixeira

(a Ametista)

2 comentários

Comentar arquivo

por: Leonor T, a Ametista

img1514942427922(1).jpgo outro lado do sótão

queres entrar?

comentários arrecadados

  • Ametista

  • Ametista

    Verdade... memórias que já não voltam Beijinho

  • Anónimo

    Palavras muito bem escritas, como sempre. Adorei. ...

  • Anónimo

    Ao ler-te, chorei...não consigo escrever mais nada...

  • Happy

    A saudade de pessoas a quem queremos ou quisemos b...

esconderijos do sótão

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

os meus livros

ametistaleonor

ametistaleonor

IMG_20151228_150612.JPG

a posição d'o sótão